Deus vê o coração!

Conheci uma família: os pais, 4 filhas e 1 filho…

Da roça… pobres… moravam numa casa iluminada por lamparina a noite… atleticanos roxos que ouviam os jogos pelo radinho… e choravam… e comemoravam… (acho que mais choravam que comemoravam..rs)

A mãe, com seu cigarro de palha, cuidava da casa, fazia aquela comidinha deliciosa no fogão a lenha… voz rouca, talvez por causa do cigarro…católica até morrer…

Ela me deu o privilégio da minha primeira dança de forró… ela me guiou e foi maravilhoso…

O pai, católico sem convicção… fumou por décadas… muito magro, mas forte… trabalhava duro na roça… tinha uma charrete que todos nós gostávamos…

Me chamava de “meu netinho”… uma graça ele…

Duas das filhas se mudaram para longe… uma era “maluca beleza”, muita doideira, mas cheia de carinho e bondade, e com uma fibra e tanto… nem queria saber de religião, nenhuma…

A outra não era tão “maluca beleza”, mas não levava desaforo pra casa, não tinha papas na língua… defendia “as crias” como guerreira…

Outras duas ficaram com os pais… uma delas mudou-se para uma fazenda próxima… cantava, sempre cantava, lavando louça, varrendo chão.. e cantava… e era gente boa de Deus… tão cuidadosa com tudo e com todos, tão alegre…

A outra nunca saiu de casa, nunca casou; tão bondosa, com um coração enorme…

O filho mais novo fica na dele, sempre ficou na dele…

As visitas das filhas que se mudaram para longe, eram regadas a muita festa na chegada e muitas lágrimas na despedida… choravam quando eu ia embora também… (nunca vi chorarem quando eu chegava! rs)

Muitos anos se passaram, décadas, e sempre os vi distribuindo graça e misericórdia e eu mesmo sempre recebi o mesmo de todos eles; não porque fossem cegos, inocentes, mas porque tinham bons olhos e bons corações…

Uma família exemplo, mesmo com os erros que cada um carrega, como fruto de sua humanidade.

Minha gratidão a Deus pelo privilégio de ter convivido com gente assim, alguns deles “sem Cristo” aos olhos de muitos, mas “EM Cristo” aos olhos daquele que vê o coração e não a aparência!

Leia também:


A Força do Amor
DEUS E HOMEM
Pode demorar, mas Jesus está conosco sempre
Seguir a Jesus Sem Religião

Receba um presente agora!

Obrigado! Já enviei o presente para seu email!

Adailton Cesar

Discípulo de Jesus que compartilha o Evangelho puro e simples!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *